O Brasil não está preocupado apenas com o título da Copa do Mundo, mas também com a saúde dos torcedores na África do Sul. O governo brasileiro levará um ônibus com 30 mil preservativos e folderes sobre prevenção da Aids e outras doenças sexualmente transmissíveis para a fase final do Mundial. Entre os dias 1º e 18 de julho, o veículo circulará pelas cidades de Joanesburgo, Soweto, Alexandra e outras comunidades próximas na província de Gauteng.

O slogan da ação é “Marque um gol – Brasil e África do Sul no campo de batalha contra a Aids”. Durante a campanha, cerca de 2.500 jovens sul-africanos serão treinados para divulgar informações sobre formas de transmissão do HIV e a importância do uso do preservativo.

Na África do Sul, 18% da população está infectada pelo HIV. No Brasil, esse percentual é de 0,6%. “Aproveitando que o País será sede da próxima Copa do Mundo, queremos compartilhar um pouco da nossa experiência na prevenção do vírus da Aids”, explica a diretora do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais brasileiro Mariângela Simão.

O ônibus percorrerá as cidades todos os dias, das 10h às 18h, no horário local. A ação é direcionada aos jovens, mas qualquer pessoa pode ter acesso aos preservativos e materiais informativos.

Todos os preservativos destinados à distribuição foram produzidas no Brasil, na primeira fábrica do mundo a utilizar látex nativo, a Natex, localizada no município de Xapuri (AC). A atividade conta com apoio das organizações não governamentais Bridges of Hope – que atua na área de Aids em mais de 70 países – e da WakeUp – especializada em montar redes sociais de jovens em locais de eventos esportivos ao redor do mundo.

O lançamento oficial da iniciativa está marcado para o dia 2 de julho, às 15h, no horário de Joanesburgo (20h em Brasília). Estarão presentes o ministro da Saúde da África do Sul, Aaron Motsualedi, o embaixador brasileiro no país sede da Copa, José Vicente de Sá Pimentel, e a governadora da província de Gauteng, Nomvula Paula Mokonyane. A cerimônia acontecerá na Public Viewing Area do bairro de New Town, um espaço organizado pelo governo local para as pessoas assistirem aos jogos do campeonato.

Fonte: UOL Esportes

30 de junho de 2010

Preservativos produzidos em Xapuri, no Acre, vão para a África do Sul

Todas os preservativos destinados à distribuição foram produzidas no Brasil, na primeira fábrica do mundo a utilizar látex nativo, a Natex, localizada no município de Xapuri (AC). A atividade conta com apoio das organizações não governamentais Bridges of Hope - que atua na área de Aids em mais de 70 países - e da WakeUp - especializada em montar redes sociais de jovens em locais de eventos esportivos ao redor do mundo.
16 de junho de 2010

Ceaids/DF participa de encontro nacional em Brasilia

Simpósio em Brasília reúne as principais lideranças dos Conselhos Empresariais DST/Aids. O Ceaids/DF foi representado pela presidente, Sandra Costa, que falou sobre as atividades desenvolvidas e sobre o engajamento dos empresários desde o início da epidemia da Aids.
15 de junho de 2010

Prevenção DST e Aids

Escolas públicas de todo país vão receber uma série de histórias em quadrinhos (HQs) sobre temas relacionados à educação sexual para jovens e adolescentes. Segundo o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, a ideia da publicação é tratar de assuntos como adolescência, gênero, direitos sexuais, aids e homossexualidade.
1 de dezembro de 2009

Dia Mundial de Luta contra a Aids

"Empresários unidos por resultados negativos”. Assim a diretora técnica do Laboratório Sabin, Sandra Costa, resume o trabalho que coordena como presidente do Conselho Empresarial de HIV/Aids do Distrito Federal.